Prefeitura de Guarapuava inicia aplicação das vacinas de Oxford

Nessa etapa da vacinação só recebe a dose quem consta do cadastro prévio enviado pela direção dos hospitais para a Vigilância Epidemiológica

Os primeiros profissionais a receberem nesta segunda-feira (25) a vacina de Oxford, em Guarapuava, foram os funcionários do Instituto Virmond que atuam no centro cirúrgico e no pronto atendimento. A aplicação ocorreu no Centro de Vacinação da Covid-19, montado na praça Cândido Xavier, no Centro.

Neste último lote, o município recebeu 1.240 doses destinadas ao grupo prioritário da área da saúde. A técnica de enfermagem, Elza Maria de Oliveira, atua há 32 anos no hospital e foi a primeira da fila. “É muito importante! Eu tenho minha mãe idosa em casa e trabalho há 31 anos só na UTI geral. Meu Deus, é uma vitória, um alívio!”, declarou.

O médico Gabriel Nasser também enfatizou a relevância da vacina. “É importantíssima porque salva vidas! Ela diminui as chances de complicações, internamentos. Muitos falam bobagens, falam o que não entendem, mas ela está aqui porque funciona, tá aqui pra ajudar a gente”, afirmou.

A aplicação segue durante a tarde para os profissionais do Hospital São Vicente. Nessa etapa da vacinação só recebe a dose quem consta do cadastro prévio enviado pela direção dos hospitais para a Vigilância Epidemiológica. 

A ordem de atendimento é conforme o recebimento das listas por e-mail e obedecendo a classificação de risco estabelecida pelo protocolo do Ministério da Saúde.  Na sequência, também devem ser protegidos os funcionários do Hospital Semmelweiss de Entre Rios.

“A lista enviada pelos hospitais foi organizada para não causar prejuízo ao atendimento dos pacientes das instituições. Aqui no Centro de Vacinação vamos conseguir fazer um maior número de vacinas em um menor tempo pela questão de logística, que facilitará bastante”, declarou o chefe da Vigilância Epidemiológica Hiagor Silva.

DOSES REMANESCENTES

Na sequencia será feita a imunização dos profissionais de saúde da rede particular com as doses remanescentes deste lote último lote. Porém, as clínicas, laboratórios e empresas devem fazer o cadastro prévio enviando um e-mail para o seguinte endereço: [email protected]. A vacinação ocorrerá conforme a ordem de chegada das listas. Entenda mais sobre isso, clicando aqui.

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.