Ocupação da enfermaria do HR de Guarapuava cai para 58%; UTI tem 97%

No sábado (13) a Unidade estava com 100% na UTI e 93% na enfermaria. Os dados foram atualizados nesta segunda-feira (15), pela central de transparência de leitos do Estado

Após atingir 100% de ocupação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e mais de 90% na enfermaria, o Hospital Regional de Guarapuava (HR) baixou os números em uma das alas.

De acordo com o sistema de transparência da Central de Leitos do SUS, do Paraná, a unidade está com um leito disponível na UTI, ou seja, 97% ocupada.

A última atualização ocorreu às 11h desta segunda-feira (15).

No sábado (13), o HR não tinha vagas na UTI, que atualmente conta com 30 leitos. Na enfermaria, dos 60 leitos, 56 estavam com pacientes, ou seja, a ocupação chegou a 93%. A queda no número de pessoas internadas foi significativa e liberou vagas.
Conforme a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), nesta segunda a taxa de ocupação estava em 58%, com 25 leitos disponíveis.

LARANJEIRAS

No Instituto São José, em Laranjeiras do Sul, a situação segue crítica. Lá, todos os leitos de UTI (10) e enfermaria (20) estão ocupados. Assim como o Regional de Guarapuava, o hospital é referência no tratamento de Covid-19 na 5ª Regional de Saúde (RS).

PARANÁ

O boletim da Sesa desta segunda-feira (15) mostra que 2.501 pessoas com Covid-19 estão internadas na rede pública. Destes, 842 em UTI e 1.210 em enfermaria e/ou leitos clínicos. Na rede particular são 455, sendo 234 em UTI e 215 em enfermaria e/ou leitos clínicos.

Há ainda 2.783 (885 em UTI e 1.898 na enfermaria) pacientes internados que na rede pública e privada aguardando resultado de exames; esses são considerados casos suspeitos. A taxa de ocupação no Paraná estava em 96% com 60 vagas disponíveis em todo o Estado.

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.