Polícia apreende espingarda em quarto de dependente químico, em Pinhão

A equipe da PM havia sido acionada para dar apoio à um enfermeiro no local, porém, o paciente fugiu da residência ao avistar a polícia

A Polícia Militar (PM) de Pinhão foi solicitada para prestar um apoio a um enfermeiro do Centros de Atenção Psicossocial (Caps), na tarde de segunda-feira (26), por volta das 17h, na Vila Rural de Pinhão.

No local, o solicitante informou à PM que uma pessoa que era dependente química estava agressiva e que possivelmente poderia estar portando uma arma de fogo.

Porém, no momento em que a pessoa avistou a viatura policial e o carro do Caps, correu para dentro da residência. Um policial acompanhou a fuga e deu voz de abordagem, mas o paciente pulou a janela do quarto dos fundos e se evadiu em uma mata fechada.

Quando a equipe entrou no quarto, visualizou uma espingarda calibre 22 que estava em cima da cama.

Diante da situação, a arma de fogo foi encaminhada até a Delegacia de Pinhão.

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.