Guarapuava registra crescimento do setor primário e da indústria em 2020

Atualmente, Guarapuava ocupa a 10° posição no ranking de economias paranaenses

Na última semana, a equipe da Secretaria de Finanças, apresentou ao prefeito Municipal, Cesar Silvestri Filho, a prestação de contas sobre o encerramento da gestão. E os resultados são considerados positivos, com boas perspectivas também para a economia guarapuavana em 2021. Segundo os dados, os setores que mais se destacaram em 202 e permitiram um acréscimo na arrecadação, foram o de produtos primários (agricultura, pecuária..), que contabilizou um crescimento de 22%, e, a indústria, com 2%.

“Apesar de termos um ano difícil sob muitos aspectos, principalmente nas áreas da saúde e da economia, agimos no momento certo para mantermos os serviços públicos em funcionamento, fazendo os investimentos e ajustes necessários para permitir que o comércio e a indústria da cidade se mantivessem ativos, com destaque, também, para a nossa agricultura que mantém ótimos índices de desempenho. O resultado positivo para o município é reflexo da produção e do consumo de bens e serviços. Isso contribuiu para o equilíbrio das contas e permitirá ao Município iniciar 2021 com perspectivas de crescimento.”, afirma Cesar Filho.

As projeções do índice de participação do município no ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) indicam que, no próximo ano, o crescimento pode chegar a 2,5%. Assim, a cidade continuará se mantendo acima da média estadual. “Atualmente Guarapuava se destaca com um crescimento significativo de produção e comercialização, com base nos cálculos da Receita Estadual. Esse índice refletirá nos investimentos a serem realizados pela próxima gestão, pois, é o dinheiro dos impostos que volta para a população por meio de melhorias”, afirmou Uedes Motta, chefe da Divisão de Nota do Produtor Rural.

Também participaram da reunião o secretário municipal de Finanças, Diocesar de Souza,  o Diretor de Arrecadação e Fiscalização do Município, Adão Monteiro, e o especialista da empresa de consultoria responsável pela elaboração do relatório, Mauro Krinski.

Atualmente, Guarapuava ocupa a 10° posição no ranking de economias paranaenses

(Reportagem: Prefeitura Municipal de Guarapuava)

error: