Sorteio define as urnas eletrônicas que serão auditadas no Paraná

O evento aconteceu neste sábado (14), no auditório do TRE-PR

O sorteio para definir as urnas eletrônicas que passarão por auditoria no primeiro turno das eleições (15), aconteceu neste sábado (14), no auditório do edifício-sede do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), em Curitiba, conforme a Resolução 23.603/2019. Os procedimentos de auditoria, realizados com a participação dos entes fiscalizadores, têm o objetivo de verificar o funcionamento, a transparência e a segurança do equipamento de votação.

São dois tipos de procedimentos: a Auditoria de Funcionamento das Urnas Eletrônicas e a Auditoria de Verificação da Autenticidade e Integridade dos Sistemas. O Paraná conta com 20.745 seções eleitorais, das quais 1.238 não participaram do sorteio, por serem consideradas de difícil acesso.

O presidente do TRE-PR, desembargador Tito Campos de Paula, que realizou a abertura da cerimônia, comentou que a Justiça Eleitoral está em contagem regressiva para as Eleições Municipais 2020. “É com muita satisfação que informamos que ontem 60% das urnas já estavam distribuídas, inclusive aquelas dos locais mais remotos e de difícil acesso”, declarou.

O presidente da Comissão de Auditoria da Votação Eletrônica do TRE-PR, Dr. Helder Luis Henrique Taguchi, reafirmou a segurança do equipamento de votação. “A urna eletrônica é segura e inviolável não apenas pela qualidade do seu sistema e pela estrita observância dos protocolos de segurança, mas também pela simplicidade de seu funcionamento, pois ela só armazena a relação de eleitores da seção e a listagem dos candidatos”, disse.

AUDITORIA

Testa, no dia da eleição, o funcionamento do equipamento em condições normais de uso. Foram sorteadas quatro urnas de todo o Paraná, que serão transportadas até Curitiba. Elas vão ser substituídas no local de votação por outras de contingência. Confira as seções sorteadas:

– Seção 443 da 2ª Zona Eleitoral de Curitiba (localizada no Colégio Madalena Sofia, na Rua Santa Madalena Sofia Barat, 809);

– Seção 193 da 66ª Zona Eleitoral de Maringá (localizada no Colégio Estadual Alberto Jackson Byington Junior, na Rua Saint Hilare, 1318);

– Seção 23 da 25ª Zona Eleitoral de Cambará (localizada na Escola Estadual Dr. Generoso Marques, na Rua Otávio Rodrigues Ferreira Filho, 1137);

– Seção 20 da 7ª Zona Eleitoral de Cerro Azul (localizada na Escola Rural Municipal São Sebastião, na Rua Principa, S/N).

DESLOCAMENTO

O deslocamento dos equipamentos até a capital é realizado por representantes da comissão e equipes de apoio, que ficam de prontidão em algumas cidades no interior do estado aguardando a realização do sorteio. Com a definição, as urnas de Cambará e Maringá serão, na manhã deste sábado, transportadas até Londrina. Em seguida, sairá de Curitiba um avião cedido pelo Governo do Estado para buscá-las. Quanto à urna de Serro Azul, ainda hoje, por volta das 11:30, um helicóptero partirá de Curitiba para transportá-la até a capital.

Auditoria de Verificação da Autenticidade e Integridade dos Sistemas

Realizada nos próprios locais de votação, no dia da eleição, verifica as assinaturas e resumos digitais do sistema da urna eletrônica em momento anterior à zerésima (relatório emitido antes de os eleitores votarem para comprovar que não há votos registrados previamente). Ao todo, para a auditoria, foram sorteadas oito seções:

– Seção 440 da 176ª Zona Eleitoral de Curitiba (localizada na Colégio Estadual Homero Baptista de Barros, na Rua Fernandes Vieira, 17);

– Seção 52 da 170ª Zona Eleitoral de Mamborê (localizada no Colégio São Luiz Gonzaga (Guarani), na Avenida Prefeito Armando Alves de Souza, 847);

– Seção 45 da 68ª Zona Eleitoral de Cascavel (localizada no Colégio Cristo Rei (particular), na Rua Marechal Floriano, 3364;

– Seção 240 da 10ª Zona Eleitoral de Lapa (localizada na Escola Municipal Emilia M Ferreira do Amaral, na Rua Santa Catarina, 368);

– Seção 100 da 124ª Zona Eleitoral de Palotina (localizada na Escola Municipal Getúlio Vargas, na Rua Tucunduva, 1033, município de Nova Santa Rosa);

– Seção 36 da 167ª Zona Eleitoral de Ortigueira (localizada no Posto de Saúde Serra dos Mulatos, na BR 376 Km 318);

– Seção 348 da 50ª Zona Eleitoral de Araucária (localizada na Escola Municipal João Franco, na Avenida João Franco, 442, município de Contenda);

– Seção 116 da 72ª Zona Eleitoral de Paranavaí (localizada na Escola Municipal Jayme Canet, na Rua Ettore Giovine, 1320).

COMPOSIÇÃO

A Comissão de Auditoria da Votação Eletrônica das Eleições 2020 é presidida pelo Dr. Helder Luis Henrique Taguchi, juiz da 176ª Zona Eleitoral de Curitiba, acompanhado pela Dra. Cristina Corso Ruaro, promotora da 176ª Zona Eleitoral. Na suplência está a Dra. Adriana de Lourdes Simette, juíza da 174ª Zona Eleitoral de Curitiba, e a Dra. Ângela Domingos Calixto, promotora da 174ª Zona Eleitoral.

A Comissão também é composta pelos seguintes servidores do TRE-PR: Domício Prates Ribeiro Filho, Guilherme Babora do Carvalhal, Anderson do Nascimento Ferreira, Sandra Soto Rodriguez, Silvia Albuquerque Medici Metri, Fabio Henrique da Silva Skonieczny, Maria Regina Blanco Magalhães, Diogo Sguissardi Margarida, Cristiane Paula da Silva Galperin e Mariana Pirih Cordeiro.

PRESENÇAS

Compuseram a mesa de autoridades do sorteio o presidente do TRE-PR, desembargador Tito Campos de Paula; o vice-presidente e corregedor, desembargador Vitor Roberto Silva; o presidente da Comissão de Auditoria de Votação Eletrônica, Dr. Helder Luis Henrique Taguchi; Dra. Cristina Corso Ruaro, promotora da 176ª Zona Eleitoral; e doutor Valcir Mombach, diretor-geral.

FONTE: TRE-PR

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.