Rosângela Virmond é escolhida para a Secretaria de Assistência Social

A nova titular da pasta, que assumirá em 2021, é administradora e advogada especialista em direito constitucional; foi a 14ª candidata mais votada nas últimas eleições, ficando como 1ª suplente do Cidadania na Câmara de Vereadores

A guarapuavana Rosângela dos Santos Virmond (Cidadania) será secretária de Assistência e Desenvolvimento Social na gestão do prefeito Celso Góes (Cidadania).

Administradora e advogada especialista em direito constitucional, Virmond foi, nas últimas eleições, a 14ª candidata mais votada e ficou como a 1ª suplente do partido na Câmara de Vereadores. “Sou grata à minha família, igreja, eleitores e ao meu amigo, ex-vereador e presidente do partido Cidadania, Neto Rauen, que teve papel fundamental na minha campanha eleitoral”, afirma Rosângela.

Em entrevista ao CORREIO, a nova titular da pasta municipal diz que se sente honrada pela visão e reconhecimento de Góes.

“Conheci o Celso Góes durante a campanha eleitoral, e nesse período, ele teve oportunidade de conhecer minha conduta, formação e o comprometimento que tenho com os trabalhos sociais que já desenvolvia antes de aparecer no cenário político”, relata.

TRABALHO
De acordo com Virmond, será gratificante contribuir, com seu trabalho, para que haja atendimento às necessidades básicas dos moradores, além de proporcionar o desenvolvimento pessoal, familiar e social.

“Idealizar e executar projetos e ações sociais a fim de gerar melhorias na vida das pessoas sempre deu significado a minha vida. Apesar do grande desafio, estou muito feliz e motivada para assumir a Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social”, citando a necessidade de “oportunizar a capacitação, facilitando a inserção no mercado de trabalho e a geração de renda” na cidade.

PANDEMIA
Na avaliação da nova secretária, os impactos da pandemia da Covid-19, que já são sentidos pela população guarapuavana, vão além do isolamento social. “Vamos conviver por muito tempo com as consequências econômicas e sociais do coronavírus. Celso Góes e eu somos conscientes que teremos grandes desafios nos próximos anos”, ressalta Rosângela.

No seu ponto de vista, será preciso buscar soluções, investir em políticas públicas e focar nas demandas da população. “Já que, com o fim do auxílio emergencial e a crise econômica gerada no pós-pandemia, certamente o número de pessoas que dependem da assistência do poder público aumentará”.

“Ficamos 10 dias em Moçambique, prestando serviços voluntários, numa escola com aproximadamente 300 crianças e essa experiência foi um divisor de águas na minha vida” – Foto: Arquivo Pessoal/Rosângela dos Santos Virmond

AÇÕES
Rosângela conta que chegou a Guarapuava aos 11 anos e sempre atuou em atividades e ações sociais. Em fevereiro de 2020, esteve na África com outros 18 guarapuavanos.

“Ficamos 10 dias em Moçambique, prestando serviços voluntários, numa escola com aproximadamente 300 crianças e essa experiência foi um divisor de águas na minha vida”, acrescentando que, em Guarapuava, na Igreja Assembleia de Deus, lidera um grupo de mulheres e, junto das voluntárias, pode desenvolver uma série de projetos.

Foram feitos atendimentos espirituais e humanizados para garotas de programa; chás de beleza para garis, serviços estéticos, de entretenimento e bingos, além de atendimento nutricional, jurídico e psicológico.

A nova titular também cita o Espaço Mulher, que oferece serviços de beleza gratuitos em eventos e festas municipais, com orientação psicológica e jurídica; e atendimento humanizado para as detentas da cidade.

Rosângela lembra que coordena projetos em parceria com os grupos de humanização dos hospitais e grupo de mulheres voluntárias. Na oncologia do Hospital São Vicente, coordena o projeto que atende as mulheres no momento da quimioterapia.

“No Hospital Santa Tereza, o projeto oferece, para as mamães carentes que têm bebês prematuros internados na UTI, serviços como aulas de artesanato, maquiagem, esmaltação de unhas, orientação psicológica, massagem, design de sobrancelhas, palavra de conforto e orações para as mamães dos pequenos guerreiros diariamente”, finaliza Virmond.

error: