Programa ‘Tampinha de Valor’ é aprovado pela Câmara de Vereadores

O texto, que já havia sido discutido e aprovado na semana passada, recebeu apoio de todos os edis nesta segunda-feira (22), e agora segue para sanção do prefeito Celso Góes (Cidadania)

O Projeto de Lei (PL) n° 01/2021, que cria o programa “Tampinha de Valor” em Guarapuava, de autoria da vereadora Profª Terezinha (PT), foi aprovado em sessão ordinária realizada nesta segunda-feira (22). 

O texto já havia recebido apoio de todos os parlamentares presentes na última semana, durante a primeira discussão e votação.

De acordo com o texto protocolado na Câmara, o intuito é que os itens plásticos sejam separados e coletados nos órgãos e entidades da administração municipal. Na avaliação da edil, trata-se de uma “matéria-prima de primeira qualidade”, com alto valor agregado.

Durante a sessão do dia 16 de março, a petista ressaltou que trabalhar com a reciclagem de plásticos “é uma necessidade que exige consciência das pessoas”. 

“Estudando para fazer o projeto, nós vimos que as tampas de plástico, de qualquer recipiente, tem um valor maior agregado. A qualidade do plástico é maior”, acrescentando que a iniciativa pode beneficiar entidades que desenvolvem serviços sociais. “Em Guarapuava, já temos uma iniciativa que faz a coleta e direciona para o SOS [Serviço de Obras Sociais Airton Haenisch].”

No entanto, segundo a autora do PL, é necessário ampliar essa ação para toda a cidade, para que a Prefeitura possa estabelecer pontos de coleta. 

PROJETO

Segundo o texto do PL, em caso de aprovação, os pontos de coleta serão colocados nos órgãos da administração municipal, mediante entrega voluntária. 

Na falta de entidades para receber os itens, a destinação será para as cooperativas de materiais recicláveis de Guarapuava. 

“Serão instalados ecopontos em locais de grande circulação de pessoas, como instituições de ensino, postos de saúde, terminais de transporte público coletivo, terminal rodoviário, praças, parques e outros ambientes”, consta no projeto.

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.