Rodada deste sábado (7) define os classificados no Grupo C às semifinais da Série Prata 2020

O Clube Atlético Deportivo Cresol (CAD) não pode perder para a Apaf se quiser continuar vivo e avançar para a semifinal; o CAD na última rodada obrigatoriamente pode se classificar até com o empate (indo a 8 pontos), para isso precisa que o Coronel perca para o São Miguel

Noite decisiva na 2ª fase do Campeonato Paranaense de futsal da Série Prata 2020. Principalmente para o Grupo C, em que estão as equipes do Coronel, São Miguel, Clube Atlético Deportivo Cresol (CAD)/Guarapuava e Apaf (Paranaguá).

Conhecido como “grupo da morte”, esse chaveamento reúne fortes equipes, todas com chances de classificação para as semifinais da competição. A última e derradeira rodada do returno é neste sábado (7 novembro), com Coronel x São Miguel, às 19h, no Ginásio Barro Preto, em Coronel Vivida; e Apaf x CAD, também no mesmo horário, mas no Ginásio Albertina Salmon, em Paranaguá.

O grupo está embolado. Com 7 pontos, a equipe guarapuavana está em 3º lugar e precisa da vitória; mas o adversário parnanguara também tem chances, pois soma 4 pt e, em caso de sucesso, chegaria aos 7 pt. Ambos dependerão do resultado da partida entre Coronel e São Miguel, uma vez que o Amarelinho tem 10 pt e, na possibilidade de vitória, chegaria aos 13, classificando-se e complicando a vida de seu oponente.

Abaixo, entenda melhor a situação com as informações do próprio CAD:

LÍDERES
Liderando o Grupo C, o São Miguel é o que tem a situação mais confortável na tabela. Embora não esteja classificado, o time do Oeste tem 10 pontos e um saldo positivo de 8 gols; na segunda colocação, vem a equipe de Coronel Vivida com 7 pontos e saldo -2.

TERCEIRO/QUARTO
Em terceiro, vem o CAD empatado com os mesmos 7 pontos do Coronel e o mesmo saldo negativo de gols de -2; na 4ª colocação vem a equipe de Paranaguá com 4 pontos.

Em suma, para o Amarelinho se classificar basta empatar com o Coronel; mas, em caso de derrota, o S. Miguel pode perder a primeira colocação nos critérios de desempate. “No entanto, ressalta-se que o São Miguel tem um imbróglio judicial com a Federação que pode atrapalhar o decorrer da competição e mudar toda a tabela”, diz o CAD, por meio de assessoria.

Agora, o Coronel pode se classificar até perdendo para o São Miguel por um gol de diferença desde que o CAD também não vença; em caso de empate, vai a 8 pontos, ou vitória do Coronel vai a 10 pontos, empata com São Miguel em pontuação, define-se em critérios de desempate, o time fica à espera do resultado do CAD para definir a segunda ou quem sabe a primeira colocação do grupo.

Equipe do Coronel Futsal enfrenta o líder São Miguel na mesma noite e horário de Apaf x CAD. É noite decisiva para o Grupo C (Foto: Ilustrativa/Coronel)

CAD
Já o Time de Guerreiros não pode perder da Apaf se quiser continuar vivo e avançar para a semifinal; o CAD na última rodada obrigatoriamente pode se classificar até com o empate (indo a 8 pontos), para isso precisa que o Coronel perca para o São Miguel. Em caso de vitória do Coronel e do CAD, os referidos e o São Miguel ficam com 10 pontos na primeira colocação, tudo sendo definido em Gols Average (divisão de gols sofridos x marcados) ou seja pode embolar tudo.

A boa notícia é que, no histórico recente, o representante de Guarapuava venceu a Apaf. No primeiro turno da 2ª fase, os comandados do técnico Baiano fizeram um 4 a 2 em casa, no Joaquinzão.

APAF
E, finalmente, a Apaf chega à última rodada para jogar uma sobrevida, pois tem 4 pontos. Para se classificar, tem de vencer o CAD por uma boa diferença de gols, torcer para que o Coronel perca para o São Miguel para negativar o saldo de gols e, aí sim, os três times empatados com 7 pontos se classifique nos Gols Average.

ELENCO
Segundo informações de assessoria, o técnico do CAD, Baiano, terá alguns desfalques importantes; inclusive, a comissão técnica teve que suspender alguns treinamentos a fim de preservar alguns atletas visando a partida.

Destaque da equipe, Gabriel está fora. O fixo provavelmente não consegue se recuperar mais em 2020 e é desfalque certo.

Outros possíveis desfalques são: Bruno Oliveira e Negueba ambos estão em processo final de recuperação; o goleiro Vitor Hugo sofreu lesão em treinamento e segue como dúvida; com estiramento, Mateus Meira será reavaliado momentos antes da partida; Léo Paulista e Tiago estão se recuperando de entorse no tornozelo e são os atletas que têm mais chances de estarem à disposição do treinador.

Com isso, os atletas aptos até o momento para a partida são: Luan, Bisqui, Andrei, Mateus Lustosa, Mauricio, Robert, Traiano, Renan e Leozinho.

**************Texto com informações de assessoria

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.