Jogos de ida da semifinal da Divisão de Acesso 2020 serão neste domingo (22)

Em Campo Largo, no Estádio Atílio Gionedis, o Araucária receberá o Maringá; e, em Pato Branco, o Azuriz será o anfitrião contra o Apucarana no Estádio Os Pioneiros. Pelo desempenho em campo na competição, Dogão maringaense e Dragão do Norte são favoritos às vagas na grande final

Dos dez participantes, agora restam quatro times. Após nove rodadas de uma 1ª fase em turno único, o Campeonato Paranaense da 2ª Divisão (ou Divisão de Acesso) chega à etapa decisiva em 2020.

As equipes do Maringá FC (1º lugar), Apucarana Sports (2º), Azuriz FC (3º) e Araucária EC (4º) são os qualificados para continuarem na briga pelas duas vagas do acesso à elite do futebol paranaense. Segundo o regulamento, o campeão e o vice estarão automaticamente classificados para a 1ª Divisão de 2021.

Por isso, neste final de semana, iniciam as semifinais da competição, com os jogos de ida. Todas as partidas serão no domingo (22 novembro), às 15h30.

Em Campo Largo, no Estádio Atílio Gionedis, o Araucária receberá o Maringá; e, em Pato Branco, o Azuriz será o anfitrião contra o Apucarana no Estádio Mun. Os Pioneiros. O Cacique foi um dos poucos times que não foram superados pelo Dogão maringaense na 1ª fase (0 a 0, no dia 27 de setembro); e o Azuriz venceu o Dragão do Norte (1 a 0), em 11 de outubro.

Como o Dogão e o Dragão terminaram a fase classificatória nas primeiras posições, a dupla tem a vantagem de decidir a vaga em casa, nos jogos da volta. Aliás, as partidas estão programadas para a próxima quarta-feira (25 novembro), às 15h30: Maringá x Araucária, no Estádio Regional Willie Davids, na Cidade Canção; e Apucarana x Azuriz, no Estádio Mun. Olímpio Barreto, na Cidade Alta.

Segundo o regulamento, “caso haja, ao término da segunda partida, igualdade de pontos ganhos, será considerado como primeiro critério de desempate o saldo de gols e, persistindo o empate, serão cobrados tiros livres diretos da marca do pênalti”.

Araucária EC conseguiu a vaga na última rodada da 1ª fase, após golear o Batel e superar o Prude nos critérios de desempate (Foto: Ilustrativa/Assessoria)

Assim, os finalistas farão a decisão do caneco novamente em sistema mata-mata. O primeiro duelo da grande decisão está programado para 29 de novembro; e o segundo, dia 2 de dezembro.

Pelo desempenho na competição e rendimento dos atletas, é muito provável que a final seja entre Maringá, franco favorito ao título, e Apucarana. Mas o emergente Azuriz de Pato Branco pode surpreender o Dragão; já o Cacique, que também é novo no cenário profissional do Estado, é candidato à zebra em cima de uma equipe que teve no passado esse mesmo animal como mascote.

CLASSIFICAÇÃO
A decisiva rodada da 1ª fase da Divisão de Acesso 2020 ocorreu nesta quinta-feira (19 novembro), com cinco jogos simultâneos.

O Tricolor maringaense entrou em campo já classificado e com o 1º lugar garantido. Mesmo assim, ganhou do São Joseense (2 a 0), fora de casa, chegando a 23 pontos.

As três vagas restantes ficaram com Apucarana, que venceu o Prudentópolis (1 a 0); Azuriz, que passou pelo REC (1 a 0); e Araucária, que goleou o Batel (4 a 0).

Após nove rodadas da 1ª fase, estes são os times classificados para as semifinais (Foto: Montagem)

Curiosamente, três equipes ficaram com a mesma pontuação (15 pt): Azuriz, Araucária e Prude. Desse modo, a classificação foi definida nos critérios de desempate, tirando o Tigre da Serra do G4 – a equipe prudentopolitana era o vice-líder até a 8ª rodada.

Mais improvável ainda foi a definição do segundo rebaixado. Tudo levava a crer que seria o Nacional Atlético Clube (NAC), que ficou quase todo o campeonato na zona de rebaixamento. Mas, com a vitória diante do Andraus e a derrota do rival Rolândia Esporte Clube (REC), o Guerreiro conseguiu escapar.

Quem acabou caindo foi o REC, fazendo companhia ao Batel de Guarapuava. Ambos disputarão a 3ª Divisão em 2021.

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.