Experiente Rafael Andrade é o novo técnico do Batel

A informação é de que ele começaria a trabalhar na tarde desta terça-feira (13), no Waldomiro Gelinski. Aliás, será sua primeira experiência em Guarapuava. Andrade terá quase uma semana para se preparar em sua estreia à frente do time na Divisão de Acesso 2020

Bola pra frente no Estádio Waldomiro Gelinski (WG), em Guarapuava. Desde esta terça-feira (13), a equipe do Batel conta com um novo técnico para a sequência da 2ª Divisão do Campeonato Paranaense de futebol.

No lugar de Ronaldo Nascimento, chega o experiente Rafael Andrade, que dirigiu recentemente o Nacional Atlético Clube (NAC) na Série D do Brasileirão. A troca do comando técnico batelino foi confirmada na manhã desta terça-feira (13) ao CORREIO pela diretoria do clube guarapuavano.

Em 2019, Andrade foi campeão à frente do NAC na Taça FPF. No ano passado, ele havia comandado também o União de Francisco Beltrão na campanha do vice-campeonato da Segundona que culminou no acesso.

Segundo o site Futebol do Norte, o novo professor batelino tem histórico de conquistas e rodagem pelo cenário nacional: acesso à Série A do Paranaense (2015 e 2019), campeão goiano de Juniores (2012), acesso à Série A2 do Paulista (2009), campeão paulista da Série A3 (2008), campeão da Copa Espírito Santo (2005) e campeão rondoniense (2018).

A informação é de que o Rafael Andrade começaria a trabalhar na tarde desta terça, no WG. Aliás, será sua primeira experiência em Guarapuava.

Ele terá quase uma semana para se preparar em sua estreia à frente do time na Divisão de Acesso 2020. É que o Rubro-Negro da Baixada teve sua partida adiada contra o Nacional e deve jogar apenas no próximo domingo (18), no Noroeste, contra o líder Maringá FC.

O Batel não está num bom momento no campeonato. Com apenas dois pontos em cinco jogos, ocupa a 8ª posição na tabela e vê distante a possibilidade de classificação para a próxima fase. São dois empates e três derrotas. E ainda não venceu na edição deste ano.

SÉRIE D

Na Série D do Brasileirão, Rafael Andrade deixou o NAC após o revés de 3 a 1 para a Portuguesa Carioca em 3 de outubro. Sob o comando dele, o time rolandense acumulou três derrotas e apenas uma vitória.

Com isso, o técnico caiu antes mesmo da estreia do Nacional na 2ª Divisão do Paranaense. Por conta de seus compromissos na Série D, o clube de Rolândia tem três partidas atrasadas no campeonato estadual.

Inclusive, uma delas é contra o Batel.

RODADA

À exceção de Batel e Nacional, oito times entram campo nesta quarta (13) e quinta-feira (14), para a 6ª rodada da 1ª fase da Segundona.

Na quarta, às 15h30, em Pato Branco, o Azuriz FC (que está em 6º lugar) recebe o vice-líder Araucária EC no Estádio Mun. Os Pioneiros.

Nesse mesmo dia e horário, Andraus Brasil (3º lugar) e São Joseense (9º) duelam em Campo Largo, no Estádio Atílio Gionedis. Longe dali, Apucarana Sports (5º) e o líder Maringá FC medem forças no Estádio Mun. Olímpio Barreto, em Apucarana, às 15h30. Fechando a rodada, o Prudentópolis (4º lugar) visita o Rolândia Esporte Clube (REC), equipe na 7ª posição, em Rolândia, para a partida isolada de quinta-feira, às 15h30, no Estádio Mun. Érich Georg.

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.