Protesto pede melhor sinalização e lombadas onde menino morreu atropelado

Neste domingo, moradores se mobilizaram nas ruas Eduardo Cháia e Salvador Scheneider, onde um menino de 9 anos foi atropelado

Um protesto realizado por moradores do núcleo Ayrton Senna e bairro Tancredo Neves, neste domingo (1°), pede melhora na sinalização e implantação de lombadas nas ruas Eduardo Cháia e Salvador Scheneider.

É um trecho de grande declive e que, no passado, já foi palco de inúmeros acidentes.

Recentemente, em outubro, uma criança (9 anos) foi vítima de um grave atropelamento.

O menino chegou a ser socorrido com vida e ficou internado por 14 dias no Hospital Santa Tereza, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. 

Em um grupo de WhatsApp, um morador explicou que a manifestação reivindica lombadas na rua. Também é reforçado que o limite de velocidade no trecho é de 40 km/h.

LEIA MAIS

Menino atropelado no Boqueirão morre após 14 dias internado

error: O conteúdo é de exclusividade do Correio do Cidadão.